Rss Feed
Homem vamos contar um conto [RÁÁ] sabe, fazia tempo que eu não escrevia aqui... vai ver se o motivo é falta de imaginação, mas eu tenho certeza que é preguissite aguda, pq ideias eu tenho, soh me falta coloca-las em pratica, e essa historia ta me matutando [bonita palavra neah? :D] na cabeça ai eu resolvi posta-la, depois de passar uns bons minutos tentando lembrar como se posta no MEU blog... pra vc ver gente, a democracia está desse jeito, não se pode nem fazer as coisas que são sua.. [NOSSA, NÃO GENTE, NÃO ESTOU BEBADO.. é soh pra enxer o saco spkoaopaskopsaopasopkaso]

Lá vai:

Essa é a história de um rapaz, um rapaz que achava que sabia oque era amar, até ter realmente seu coração despedaçado por amor, mas vamos começar um pouco mais atras, da epóca que ele despedaçava os corações alheios....
Esse rapaz é um rapaz bonito, popular, tipico de toda historia juvenil tem, que as meninas sempre ficam se mordendo e até brigam por 1 segundo de sua atenção, oque não é de se assustar, ele merece!
Simpatico, sorridente, alegre, oque contagia a maioria em sua volta... É amigo de todos, sem preconceito, comprimenta desde os Nerds da turma até mesmo a turma do fundão, e é querido por todos...
Mas como toda rosa bela e cuidada, ele contém espinhos... e o pior deles, ele se importa muito com os proprios sentimentos e muitas vezes acaba magoando o sentimento alheio, não percebe isso, pois tem muitos rostos sorridentes pra poucos tristonhos em sua volta...
Meninas apaixonadas, que se atiravam aos seus pés, amigos que achavam que podiam contar com ele pra tudo, mas ele estava muito ocupado, sempre.. tinha tantos amigos que acabava não tendo nenhum...
Até que um dia, seu coração parou, seu estômago parecia estar cheios de borboletas assustadas, que voavam de um canto para outro, sua boca ficou ressecada e seu pensamento sumiu, e ela passou... sem nem ao menos notar sua presença, oque o deixou abalado, pois nunca sentiu-se desprezado antes na vida, e estava começando a vir em sua mente, rostos tristes, que ele achou que sabia muito bem o motivo pelo qual eles estava assim, e estava se sentindo mal por isso...
Mas ele pensou, eu preciso conquistar essa garota.. mesmo não tendo me notado, ela VAI me notar, eu farei isso... mas não passou de tentativas inuteis, ele se sentiu mal, cada vez pior, e sua beleza começou a se dissipar, não fisicamente, mas o seu interior, sua aura dourada, começou a se acabar...

Mas se passaram alguns anos, ele melhorou, recuperou sua alto-estima e ganhou mais uma qualidade, começou a se importar mais com as pessoas, não deixou de ser a pessoa querida de antes, apenas ganhou mais admiração, mas só que com isso, trouxe uma pequena consequencia, ele começou a se afastar dos outros para que não se apeguem muito, dava atenção, mas o suficiente para que não deixassem as pessoas preocupas... Porque isso? Bom, ele tem medo de ferir os sentimentos das pessoas, e o seu tambem, assim como ja ocorreu muitas vezes...
Mas só que um dia foi diferete, uma garota nova entrou no colegio, ultimo ano, ja estava preste a acabar com tudo isso e mudar de vida, ela se sentou ao seu lado, trocas de olhares, e ele como um bom popular, ja conheceu a menina e ganhou sua admiração, que por fim, virou amor, um amor forte e verdadeiro...
Ele após algum tempo acabou tomando conhecimento sobre esse amor, pois a menina não aguentava mais reprende-lo em seu peito...e acabou contado-lhe.. ele ficou desesperado, não queria destruir seus sentimentos, só que uma coisa havia lhe acontecido, aos poucos, devagar como se estivesse planejando isso a tempos em seu coração, se dispertou....
ele começou a gostar da menina, oque foi apenas mais um motivo para se afastar dela, tinha medo de se magoar, e agora, de magoar a menina que gostava, mas ela correu atras, queria ele... e por fim.. ele lhe explicou oque havia lhe ocorrido, e ela? apenas sorriu e disse: "As vezes para sermos felizes, temos que muitas vezes fazer algumas pessoas tristes, cruel? pode até ser, mas oque importa não é a vida que os outros estão vivendo felizes, é a sua, a qual você vai se entregar pelo resto da sua vida, e como será lembrado, como quer ser lembrado? como um fraco que se recusou a amar, ou a pessoa sincera que amou? se não for eu quem você ame tudo bem, mas quero que você seja sincero, não comigo, mas consigo mesmo"
Essas palavras foram mais duras doque possam imaginar, o rapaz ficou atordoado, não raciocinava, mas quem realmente precisava ouvir essas palavras ouviu, seu coração.. e com isso sentiu um forte impulso de beija-la, e foi oque fez, beijou.. e foi mais que um beijo, foi a união das almas de ambos, pois ele acabou de se entregar a ele proprio, aos seus sentimentos, e se entregar a pessoa que ama....


[espero que tenham gostado, e entendido a mensagem ;) ]

2 comentários:

samanta disse...

eu parei na metade haha

dayane disse...

- . - vc jah devia ter publicado issoooo!!!!!>.<

Postar um comentário